Pesquisar este blog

14 de ago de 2017

Olibere Savannah's Heart - Fragrance Reciew


Português (click for english version):

Apesar de nova dentro do cenário da perfumaria a grife Olibere já se vê pronta para explorar um novo capítulo de sua jornada. A segunda coleção da marca é denominada de The Precious Collection e se propõe a oferecer criações em uma concentração mais rica, em Extrait de Parfum. Tal coleção é iniciada com Savannah's Heart, composta por um perfumista que cria pela primeira vez para a marca, Luca Maffei.

A primeira impressão que me salta em relação a Savannah's Heart é que ele não é um salto em estilo com relação ao que a marca já fazia. Marjorie Olibere parece ter um olho clínico na direção de sua marca para atingir o comercial conceitual e chic, de forma que suas criações não parecem banais mas também não oferecem grandes desafios a quem usa. É como uma série de fotografia que procura capturar o melhor ângulo possível de cenas conhecidas.

Sob a direção de Marjorie, Luca Maffei entrega algo que se encaixa bem na visão que se imaginaria de um ambiente árido de um Savana ao mesmo tempo que deixa sua marca registrada dentro da Olibere. Se sua história menciona que Luca cresceu em meio amostras de perfume eu tenho a impressão de que as criações de fundo amadeirado são sua predileção e onde o perfumista tem exercido com conforto seu estilo. Savannah's Heart só perde para mim do que é a obra-prima do perfumista, o maravilhoso perfume de iris e madeiras da Masque Milano, L'Attesa.

Aqui, Luca imagina olfativamente um ambiente onde madeiras e resinas predominam e que assim é definido por elas. Diferente da criação da Memo, African Leather, aqui estamos de fato em um local onde o aroma seco, resinoso e intenso das madeiras se espalha por um ambiente árido e seco. A sensação é a de uma mistura de agarwood, cedro, sãndalo e arbustos que exudam uma resina quente e de contornos ambarados e assabonetados. A interpretação mais comercial dessa ideia se dá pela forma como esses elementos são equilibrados para que nada se torne sufocante. O lado mais seco das madeiras é suavizado por musks, um leve toque de especiarias e tons de baunilha.

A príncipio questionei a classificação de Savannah's Heart como um extrato, já que numa impressão inicial seu aroma parecia se comportar mais como uma edp. Porém, é perceptível para mim após o uso que o perfume foi calibrado para ser persistente sem ser denso demais, rico sem ser enjoativo, o que talvez não agrade a todos os fãs dessa concentração. É um perfume porém que surpreende com o tempo em sua performance e agrada em sua execução, um bom começo dentro da nova coleção da marca.

English:

Although relative new in the perfume business the Olibere brand is already ready to explore a new chapter of its journey. The second collection of the brand is called The Precious Collection and proposes to offer creations in a richer concentration,  Extrait de Parfum. Such a collection begins with Savannah's Heart, composed by a first-time perfumer for the brand, Luca Maffei.

The first impression that jumps on me about Savannah's Heart is that it's not a leap in style with what the brand already did. Marjorie Olibere seems to have a clinical eye towards her brand to achieve the conceptual and chic commercial, so that her creations do not seem banal but also do not offer great challenges to those who use. It is like a series of photography that seeks to capture the best possible angle of known scenes.

Under the direction of Marjorie, Luca Maffei delivers something that fits well with the vision you would imagine of an arid environment of a Savannah while leaving his trademark inside the Olibere brand. If the story mentions that Luca grew up amid perfume samples, I have the impression that creations with a woody background were his fondness and it's where the perfumer has comfortably exercised his style. Savannah's Heart only loses for me what it is the perfumer's masterpiece, the wonderful fragrance of irises and woods made for Masque Milano, L'Attesa.

Here, Luca conjures up an environment where woods and resins predominate and are thus defined by them. Unlike the creation of Memo, African Leather, here we are in fact in a place where the dry, resinous and intense aroma of the woods spreads through an arid and dry environment. The sensation is that of a mixture of agarwood, cedar, sandalwood and shrubs that exude a warm resin and with amber and soapy contours. The most commercial interpretation of this idea is given by the way these elements are balanced so that nothing becomes stifling. The driest side of the woods is softened by musks, a light touch of spices and vanilla tones.


At first I questioned Savannah's Heart's classification as an extract, since in an initial impression its scent seemed to behave more like an edp. However, it is noticeable to me after the use that the perfume was calibrated to be persistent without being too dense, rich without being cloying, which may not please all fans of this kind of concentration. It is a perfume that surprises with time in its performance and pleases in its execution, a good beginning within the new collection of the brand.