Pesquisar este blog

10 de set de 2017

Parfums MDCI Cuir Garamante - Fragrance Review


Português (click for english version):
Eu me lembro que no passado a parfums MDCI tinha para mim uma aura de prestígio, algo com preço inatingível para o meu orçamento e com perfumes que atiçavam a minha imaginação e que pareciam obras de arte compatíveis com as apresentações luxuosas que vendiam. Mas com o avanço da perfumaria de nicho e com o surgimento de novos integrantes, a marca não se destaca mais, nem em termos de preço (não que sejam baratos) e nem em termos de criação.
Cuir Garamente é um exemplo disso para mim. É outro desses perfumes onde conceito e execução não se encaixam e onde a composição que é entregue não justifica isso de forma que você esqueça que foi enganado. A marca o define como um perfume viciante, bestial e sofisticado. E nenhuma dessas coisas ele é. Há outras ideias que são vendidas, mas nem pretendo entrar nelas pois sinceramente nenhuma delas é entregue de fato.
Há muitos perfumes de couro no momento e Cuir Garamente não se destaca. A combinação de açafrão, couro, oud e rosa é interpretada melhor em outros lugares e o único destaque que esse perfume teria é a de usá-la de uma forma mais discreta, dando mais ênfase a um aspecto frutado na saída. Porém, o que vem depois é péssimo: um acorde mineral amadeirado desbalanceado, úmido e que lembra cheiro de guarda-chuva molhado quando fica guardado muito tempo. O que isso tem a ver com couro? Eu não sei. Só sei que nunca pagaria 250 dólares por essa composição. Um conceito muito mal interpretado em uma composição desbalanceada e estranha.

English:
I remember that in the past the MDCI parfums had for me a prestige aura, something that was unattainable for my budget and with perfumes that fanned my imagination and which seemed works of art compatible with the luxurious presentations they sold. But with the advancement of niche perfumery and the emergence of new members, the brand no longer stands out, neither in terms of price (not that they are cheap anyway) nor in terms of creation.
Cuir Garamante is an example of this for me. It is another of these perfumes where concept and execution do not fit and where the fragrance that is delivered does not justify this so that you don't forget that you were cheated. The brand defines it as an addictive, beastly and sophisticated perfume. And none of these things it is. There are other ideas that are sold, but I do not intend to enter them because sincerely none of them are actually delivered.

There are many leather perfumes at the moment and Cuir Garros does not stand out. The combination of saffron, leather, oud and pink is best interpreted elsewhere and the only highlight that this perfume would have is to use it in a more discreet way, giving more emphasis to a fruity look at the opening. But what comes next is terrible: an unbalanced woody mineral accord, damp and reminiscent of a wet umbrella when it is stored for too long. What does this have to do with leather? I do not know. I only know that I would never pay $ 250 for that thing. A concept very misinterpreted in an unbalanced and strange composition.