Pesquisar este blog

23 de set de 2018

L'Instant de Guerlain Pour Homme EDT (Versão Original) - Avaliação/Resenha/Review


Português (click here for english):

Se os anos 80 e 90 foram difíceis para a Guerlain o começo da década de 2000 seria o ínicio da renovação da imagem e público para a marca. Sob a direção de criação de Sylvaine Delacourte a Guerlain retomaria sua herança e identidade e entraria no mercado de nicho e perfumaria exclusiva resgatando descontinuados de seu catálogo e propondo criações novas. No segmento da perfumaria comercial, era hora de criar novos pilares de perfumaria masculina e feminina, capturando esse novo momento que assim iniciava. Por isso, para mim o nome L'Instant não poderia ter sido melhor, quase que profético em relação aos tempos que viriam.

Essa é a primeira vez que temos na perfumaria masculina da Guerlain uma criação feita por uma perfumista de fora da família e a estreia não poderia ter sido melhor. Criado pela por Beatrice Piquet eu diria que L'Instant Pour Homme é sua obra prima, um momento de muita inspiração onde ela e Sylvaine Delacourte conseguiram introduzir com sucesso o primeiro perfume amadeirado gourmand da Guerlain para o público masculino, criando algo moderno e com a complexidade e beleza de um clássico da marca.

L'Instant Pour Homme possui a característica abstrata de muitos dos sucessos da Guerlain, entretanto nada nele soa datado ou antigo. Os cítricos são suculentos, frescos e um pouco adocicados e sem nada antiquado no aroma. A luminosidade deles guia o aspecto mais especiado que aparece, onde toques de anis estrelado e pimenta rosa contrastam com aspecto floral bem distante e uma nuance de chá. Na versão edt o aroma gourmand torrado do cacau é bem equilibrado, se misturando ao aspecto amadeirado do patchouli e de algo que sugere a impressão do aroma de vetiver ou sândalo.


Lançado um ano depois da versão EDT, a versão EDP denominada de extreme e conhecida popularmente pelo acrônimo de LIDGE se tornou talvez o perfume mais conhecido e desejado da Guerlain entre o público masculino. Se a versão EDT é um instante de luminosidade e romantismo no começo do dia, a versão Extreme seria um momento ao pôr-do-sol, algo mais sensual visto em tons sépia. Os mesmos elementos da EDT são reorquestrados para favorecer um aroma gourmand que é dark sem ser exagerado e cremoso sem ser enjoativo. Para mim isso é possível pois ao mesmo tempo em que se amplifica o aroma do cacau e acrescenta-se um toque de baunilha também é amplificado e aroma amadeirado e luminoso do patchouli, criando uma aura radiante e rica que me faz pensar imeditamente no excelente Heritage, só que visto em uma roupagem distinta da usada na criação de 92. O anis estrelado também é aumentado, dando um aroma picante, levemente doce e mentolado e que exala em harmonia com os cítricos da saída. Recentemente tanto a versão EDT como a versão Extreme (que agora é apenas referenciada como a concentração EDP) foram relançadas e permanecem bem fieis a ideia original, talvez com a diferença que ainda não deu tempo suficiente para que elas envelhecem e ressaltem o delicioso acorde gourmand que aparece em ambas.


English version

If the 1980s and 1990s were difficult for Guerlain the early 2000s would be the beginning of the renewal of the image and public for the brand. Under the direction of Sylvaine Delacourte's creation, Guerlain would regain its heritage and identity and enter the niche market and exclusive perfumery rescuing discontinued itens from its catalog and proposing new creations. In the segment of commercial perfumery, it was time to create new pillars of masculine and feminine perfumery, capturing this new moment that began. So for me the name L'Instant could not have been better, almost prophetic about the times to come.

This is the first time we have in the masculine perfumery of Guerlain a creation made by a female perfumerand from outside the family and the debut could not have been better. Created by Beatrice Piquet I would say that L'Instant Pour Homme is her masterpiece, a moment of great inspiration where she and Sylvaine Delacourte succeeded in successfully introducing Guerlain's first gourmand woody scent to the male audience, creating something modern and with the complexity and beauty of a classic from this brand.

L'Instant Pour Homme has the abstract feature of many of Guerlain's hits, though nothing in it sounds dated or old. The citrus fruits are succulent, fresh and somewhat sweet and with nothing out of date in the aroma. Their lightness guides the most spicy aspect that appears, where touches of star anise and pink pepper contrast with a far-off floral aura and a nuance of tea. In the edt version the roasted gourmand aroma of the cocoa is well balanced, blending in with the woody aspect of the patchouli and something that suggests the impression of the aroma of vetiver or sandalwood.


Released one year after the EDT version, the EDP version called Extreme and popularly known by the acronym LIDGE has become perhaps the most well known and desired perfume of Guerlain among the male audience. If the EDT version is an instant of brilliance and romanticism at the beginning of the day, the Extreme version would be a moment at sunset, something more sensual seen in sepia tones. The same elements of EDT are re-orchestrated to favor a gourmand aroma that is dark without being exaggerated and creamy without being cloying. For me this is possible by amplifying the aroma of cocoa, adding a touch of vanilla and making a woody and clean patchouli more evident, creating a radiant and rich aura that makes me think immediatly in the excellent Heritage , only seen in a garment different from that used in the creation of 92. The star anise is also increased, giving a spicy, slightly sweet and mentholated aroma and exhaling in harmony with the citrus from the opening. Recently both the EDT version and the Extreme version (which is now only referred to as the EDP concentration) have been re-released and the original idea remains faithful, perhaps with the difference that it has not yet given enough time for them to age and highlight the delicious gourmand accord which appears in both.