2 de jun de 2019

Boticario Egeo On Me/Egeo On You - Avaliação/Resenha/Review


Egeo on Me
Conceito: 3.5 Olfativo: 4 Técnico: 4,5 Apresentação: 4.5
Nota Final: 4 Nota Faixa: 4

Egeo on You
Conceito: 4.5 Olfativo 4.5 Técnico: 4.5 Apresentação: 4.5
Nota Final: 4.5 Nota Faixa: 4

Faixa preço ambos: 1- até 150 reais

1-Ruim 2-Regular 3-Bom 4-Ótimo 5-Excelente

Para esse dia dos namorados o Boticário resolveu experimentar mais uma vez com a linha que sempre utiliza para trazer algo jovem e romântico para o seu público, a linha Egeo. Em parceria com a IBM a empresa brasileira sai na vanguarda da inteligência artificial e lança Egeo On Me e Egeo on You, 2 fragrâncias criadas com técnicas de aprendizagem de máquina e cujo o ajuste fino foi feito pelo experiente perfumista da Symrise, Dave Apel. O objetivo aqui foi utilizar a tecnologia da IBM com uma inteligência capaz de analisar mais de 1,7 milhões de perfumes, mais de 1300 materiais e chegar em combinações que sejam agradáveis ao público alvo (nesse caso os jovens) e explorando ideias ainda não descobertas.

A princípio estava cético, pensando que isso seria mais uma jogada de marketing em si do Boticário. Porém, o resultado final é realmente familiar e ao mesmo tempo distinto do que conhecemos. O que talvez mais me intrigue nesses dois perfumes é que a Philyra, nome da inteligência artificial, foi capaz de encontrar uma forma de utilizar elementos contemporâneos e desgastados pelo abuso e torná-los diferentes ao trazer um estilo de composição mais clássico, algo complexo, fluído e cheio de detalhes que harmonizam os elementos mais pesados.

O perfume que mais surpreende nesse quesito é Egeo on You, criado para os homens. A pirâmide olfativa faz pensar que o perfume será aquático e frutado, entretanto ele é um jogo de contrastes que tem como destaque o uso do feno grego, um aroma exótico e de risco para um público jovem.De todas as notas listadas é a que dá um toque especial e arriscado, trazendo um mix de nuances como café torrado, açúcar queimado e aroma de palha seca/lascas de madeira. Seu aroma quente e seco é posto em contraste com um frescor mentolado que passa por sensações herbais, doces, frescas e frutadas, mas nada exagerado ou grosseiro. O perfume termina com uma base muito bem construída, que parece encontrar o ponto certo dos materiais amadeirados e ambarados, algo que tem performance, aroma de madeira e um quê de tabaco e que curiosamente carrega até o fim um cheiro mentolado e discretamente torrado. Aos que temem a nota de leite condensado, não há nada exageradamente doce em um perfume que tem uma performance muito boa para a faixa de preço cobrado.

Egeo on Me, criado para as mulheres, tem um resultado final bem satisfatório também mas do ponto de vista da inovação acaba desapontando um pouco. Enquanto o masculino trás algo exótico, novo e arriscado o feminino trás na sua aura mais superficial um floral gourmand que parece ter utilizado a dinâmica de perfumes como La Vie Est Belle, L'Interdit e Scandal para encontrar uma combinação nova e familiar. Esse precisa ser testado na pele, pois na fita ele parece apenas mais um gourmand doce na linha de vários que a marca tem. O que acaba se destacando nele são as harmonias florais secundárias que criam uma espécie de chuva de diferentes pétalas florais, como se elas caíssem em um grande caldeirão de frutas suculentas, doce de leite e açúcar queimado. Os contrastes entre aromas florais frescos, brancos, delicados e carnais acaba tornando o perfume menos enjoativo e comum e lhe dão uma aura misteriosa e complexa. A base parece se conectar discretamente com a do masculino, incorporando parte do aroma ambarado seco mas dando mais ênfase a notas cremosas adocicadas e um cheiro doce torrado.

Assim como o masculino, Egeo on Me tem uma performance muito boa para a faixa de preço cobrada e a dupla cria frascos muito bonitos vestindo a linha Egeo com a mesma coloração furta-cor explorada recentemente pela Carolina Herrera. Resta saber agora se a tentativa de inovação da nova dupla Egeo terá a aceitação esperada para se manter como parta integrante da linha. Torçamos também para que a marca não os reformule.