17 de jun de 2019

Ohana Kameala Noir de Noir - Avaliação/Resenha/Review



Conceito: 4 Olfativo 4 Técnico: 3.7 Apresentação: 3
Nota Final: 3.8 Nota Faixa: 3.8
Faixa preço: 1 - Até 150 reais
1-Ruim 2-Regular 3-Bom 4-Ótimo 5-Excelente

Apesar de trabalhar no seu negócio artesanal de perfumaria de contratipos desde 2016 foi somente em 2018 que Sabrina Vieira começou a investir para valer em sua marca Ohana Kameala. Com um nome exótico e diferente, Sabrina atende a demanda do público por perfumes com custo benefício e boa similaridade. Entretanto, basta dar uma olhada no seu católogo de inspirações para perceber que a empresária é ousada em investe no desconhecido e pouco explorado. E foi isso aliado a boa reputação entre quem já conheceu que me levou a explorar a marca.

Na inspiração olfativa do Noir de Noir a marca entrega o que os contratipos do segmento mais premium entregam, uma reprodução que não é literal mas que pelo custo benefício chega muitíssimo próximo. Esse é um caso onde as mudanças me agradam mais que o original: o excesso de aroma verde e amargo da rosa e da parte terrosa e suja do patchouli é removido. Nesse processo é possível perceber mais claramente as nuances florais de mel, o aroma adocicado e ambarado do oud. O aspecto mais clássico do original também abre espaço para um patchouli que apesar de ainda ter uma aura retrô parece um pouco mais moderno e luminoso. A projeção é muito boa e a performance chega muito perto de uma nota ótima, talvez se comportando de uma maneira mais evidente em ambientes mais quentes. De maneira geral é um achado para quem deseja um perfume chique e marcante e está com o orçamento apertado.