28 de out. de 2019

Olfactive Studio Vanilla Shot - Avaliação/Resenha/Review


Diferente de Chypre Shot e Leather shot que evocam perfumes específicos e eras específicas da perfumaria, Vanilla Shot apesar de ter um aspecto nostálgico em sua criação é um perfume com um aroma atemporal, algo que poderia ser tranquilamente lançado como um perfume contemporâneo de baunilha. Isso certamente acontece pela associação que temos com a baunilha desde a infância, seu aroma cremoso associado a fase de descobertas e prazeres gustativos da infância. A baunilha natural também possui algo interessante, sua composição química se aproxima a dos feromônios humanos e é capaz de se combinar a eles, produzindo uma aura sensual quente, aconchegante, inocente e até mesmo misteriosa.

São esses aspectos que Vanilla Shot trás e que o tornam de certa forma nostálgico em relação a outros perfumes de baunilha. Em vez de mirar exclusivamente em uma overdose de baunilha açúcarada e doce, o perfume constrói uma textura sensual e atemporal de uma baunilha adulta, algo que guarda em si a inocência das gostosuras feitas com ela mas que constrói algo mais complexo, um aroma balsâmico, resinoso e quente, com aspectos florais ao seu redor. A presença de um acorde de caramelo ajuda a trazer essa baunilha clássica para o momento contemporâneo, porém a forma como são colocados toques florais, aspectos aldeídicos e as resinas tiram essa baunilha do mundo lolita e a coloca no patamar de uma femme fatale.

Assim como os outros 3 integrantes da coleção, Vanilla Shot é complexo, rico em nuances e não é um perfume sufocante, mesmo tendo uma concentração extrato. Tem-se a impressão de que as fórmulas favorecem um uso generoso de matérias-primas de origem natural, mirando mais uma riqueza de detalhes do que uma fixação absurda a todo custo. O resultado são perfumes que honram o passado e estão muito bem posicionados no presente, luxuosos e voluptuosos em seus aromas. Uma trilogia muito bem desenvolvida e da qual eu suspeito que Vanilla Shot será o queridinho de muitos.