31 de dez. de 2019

Jean-Michel Duriez Mon Paris Secret - Avaliação/Resenha/Review

Conceito: 5 Olfativo: 4,5 Técnico: 4,5 Apresentação: 4,5
Nota Final: 4,6 Nota Faixa: 4,8
Preço de Venda: 190 euros
Faixa de Preço: 4 - Entre 600 e 1000 reais

É refrescante ver uma nova marca de perfumaria de nicho e exclusiva como Jean-Michel Duriez, procurando de fato criar uma narrativa pessoal em vez de vender mais do mesmo da preciosidade dos materiais da perfumaria. O perfumista recorre a um tema clássico da perfumaria e universal ao ser humano - o amor - e procura explorá-lo sob diferentes perspectivas e nuances. Isso casa-se com maestria com sua homenagem a Paris e seu resgate de ideias clássicas e atemporais da perfumaria. E em Mon Paris Secret isso é feito próximo da perfeição.

Esse é o perfume que vende a história de um amor que acontece por acaso, de dois apaixonados que exploram a capital da França em busca de seus tesouros e acabam se encontrando por coincidência em um jardim secreto. Para essa jornada íntima e romântica Jean-Michel Duriez recorre a um dos perfumes clássicos do amor e um dos símbolos da perfumaria francesa, Guerlain Shalimar, e revisita a idea de um oriental vanilla para que ele seja um encontro entre os dois apaixonados: ela representada por um aroma de baunilha e canela e ele por um aroma de manga (e acrescento eu, um lado mais amadeirado).

O perfumista faz com maestria um rebalanceamento das nuances do aroma oriental vanilla do Shalimar e muda a perspectiva pela qual se percebe esse aroma, quase como a cidade clássica do amor sendo descoberta por novos apaixonados. Em vez da bergamota versus baunilha o que é perceptível logo de cara ao olfato é o aroma balsâmico e frutado seco do opoponax e bálsamo de tolu, que juntos com um aspecto frutado verde criam o aroma abstrato da manga caramelada. E ele aos poucos se encontra com sua paixão, que vem no formato de uma baunilha quente, levemente especiada, doce sem ser exageradamente açúcarada e com um aspecto sutilmente animálico que só a baunilha natural possui. De fundo percebemos ainda o lado mais masculino da ideia por um aroma amadeirado meio couro que ao mesmo tempo que é clássico parece favorecer uma nuance que remete a vetiver e trás um aspecto mais moderno tbm.

Para um perfume composto basicamente de notas de base Mon Paris Secret beira a perfeição também, mostrando-se muito harmônico e evoluindo graciosamente na pele com uma harmonia que perde-se muito fácil em materiais balsâmicos e ambarados, que podem deixar um perfume pesado e com uma evolução em bloco. Na perfumaria moderna damos muito valor à novidade das ideias e a performance e esquecemos de olhar como uma história conhecida pode ser bem contada e permanecer nova. Os clássicos sempre podem ser revisitados e feitos singulares para uma nova geração de apaixonados.

1-Insatisfatório 2-Regular 3-Bom 4-Ótimo 5-Excelente