24 de jan. de 2020

Roja Dove Majestic Aoud - Avaliação/Resenha/Review


O que esperar de um perfume da linha mais cara da Roja Dove, custando 1450 libras e que já joga as expectativas lá na lua com um nome como Majestic Aoud? Esse é um dos casos onde preço modifica a expectativas e menos do que perfeito não é aceitável. Não basta apenas você contar a narrativa, como a marca faz, de um aoud digno da realeza e feito com os melhores ingredientes. Você tem que entregar isso e Majestic Aoud nesse quesito não decepciona em nenhum momento.

A ideia aqui me parece ser vender luxo suntuoso, algo que depende de harmonia nos mínimos detalhes para funcionar. E o agarwood que é entregue aqui é certamente um dos mais finos que já tive chance de usar. É uma composição que coloca o material como pedra preciosa no seu centro, mas o lapida em sua aspereza e o coloca em uma liga perfeita que faça com que ele brilhe ao mesmo tempo que ela em si é uma beleza.

O perfume tem uma abertura complexa, um aroma oleoso e animálico de agarwood complementado por um aspecto frutado verde e seco, algo que me remete a gálbano e folha de abacaxi. De fundo a um aroma de mel mais seco, que remete a ambar e própolis ao mesmo tempo. Há alguma doçura floral talvez, entretanto para harmonizar e não para ser protagonista. O perfume termina numa base quente e terrosa de patchouli onde é possível perceber um agarwood mais doce aparecendo de fundo junto com um aroma amadeirado mais seco.

É certo que Majestic Aoud não deve custar tão obscenamente para ser feito quanto seu preço sugere, ainda sim, como dito anteriormente um perfume tem que vender uma narrativa coerente e aqui de fato temos um agarwood majestoso e nobre, algo que não deve ser fácil de ser adaptado para um orçamento mais barato.Luxo olfativo nos mínimos detalhes.