10 de fev. de 2020

Boticario Floratta Love Flower - Avaliação/Resenha/Review



Acredito que a essa altura do campeonato reclamar da fixação e projeção dos perfumes da Boticario não faz muito sentido. Ou a marca está cega/surda ao que o consumidor diz e escreve ou então ela tem apostado em um segmento do mercado brasileiro que não exige tanta performance de seus perfumes. Diria que a marca também tem apostado no consumidor que não exige inovação nos lançamentos porém espera um constante fluxo de novidades e se sente agradado por elas desde que o preço seja decente e a narrativa coerente. É para esse consumidor que a marca cria Floratta Love Flower.

A linha Floratta se tornou uma linha intermediária dentro do portfolio da Boticario em termos de preço e de investimento olfativo e é isso que vejo em Floratta Love Flower. Há uma narrativa legal aqui, mas o perfume fica só no conceito mesmo. A ideia da marca é oferecer o conceito exótico de uma flor caribenha, que segundo a marca era conhecida por sua ousadia e romantismo. Suas pétalas eram em formato de borboleta e carregavam mensagens secretas por mulheres que não tinham medo de se arriscar no amor.

Fica difícil dizer o que isso tem a ver com a fragrância que é entregue, pois a marca não se dá ao trabalho de explicar como o aroma da flor se traduz dentro do perfume. Não há nenhuma ousadia olfativa em Floratta Love Flower, com um perfume que é em sua essência uma variação mais frutada do floratta Red. A saída tem um aspecto mais verde e frutado e remete de maneira distante ao perfume My Lily. O coração do perfume entrega um floral branco e adocicado, um pouco exótico mas bem moderado. De fundo surge um aroma amadeirado doce mais discreto e que sustenta a composição na pele.

A performance é moderada, projetando a início e se tornando rente a pele depois que passa as 2 primeiras horas. É basicamente um perfume mediano, de performance mediana e de preço mediano, que não entrega nada de novo mas que não faz feio também. Infelizmente ele desperdiça uma narrativa e conceito que poderia entregar algo bem mais interessante e exótico.