17 de fev. de 2020

By Kilian Smoke For The Soul - Avaliação/Resenha/Review


Anteriormente parte de uma coleção relacionada a temas viciantes, Smoke For The Soul hoje é um perfume solto das linhas olfativas que a marca introduziu recentemente. Sua temática olfativa é relacionada a capturar o aspecto mais clássico e primitivo da perfumaria, a do aroma através da fumaça do incenso, do tabaco e do Bakhoor - madeiras que na tradição árabe são embebidas em resinas aromáticas e acendidas para perfumar o ambiente.

Smoke for The Souk é um dos poucos By Kilian que consegue aliar algo mais ousado a uma estrutura já bem conhecida. Ele traz uma inspiração de certa forma polêmica ao utilizar um acorde de maconha em combinaçao com eucalipto e o tabaco. Com isso, a saída é bem intensa e diferente, imagino que uma primeira impressão bem polarizante.

É como se fosse uma infusão de ervas mentoladas quentes e, ao mesmo tempo, queimadas, algo com orégano no meio e um cheiro seco de tabaco. Depois de uns 30-40 minutos, o perfume começa a ir numa direção que o Ellena gosta de dar a seus perfumes, um cheiro aveludado, de um tom herbal leve e um quê especiado.

Essa fase final me remete principalmente ao Declaration, e uma versão da ideia do Declaration vitaminada em ervas e tabaco é bem interessante.Smoke For The Soul consegue assim capturar bem a sua ideia mais primitiva, ousada e viciante e ainda sim oferecer um perfume amadeirado contemporâneo e que dá para ser usado.