17 de abr. de 2020

L'Envie #005 Stop It Love It - Avaliação Perfume


Cada dupla de composições dentro da L'Envie forma atualmente uma espécie de tema olfativo, um que deveria estar em sintonia com a cor da dupla mas que nem sempre está, algo que fica bem evidente nos perfumes de cor azul (#007 e #008) e aparece de maneira polarizante nos de cor verde (#003 e #004). Nas coleções que exploram as tonalidades vinho e perfumes de temática oriental e gourmand é onde a L'Envie tem o maior acerto.

Stop It Love it é a quinta criação dentro do portfolio da marca e forma junto com You Had Me At Hello Perfumes que tentam explorar as notas doces e gourmands de uma maneira mais adulta e intelectual. Isso talvez explique o estranho motivo pelo qual a marca escolhe ressaltar justamente musks e madeiras brancas em Stop It Love It quando há claramente uma predominância de elementos gourmands e orientais.

Stop It Love It tem uma premissa um pouco decepcionante mas uma entrega muito competente. A ideia é trazer algo intrigante e que provoca, que faz você gostar tanto a ponto de se assustar com isso. Certamente há intensidade nessa fragrância e um aspecto até que intrigante sim, mas nada que seja de fato assustador - a não ser é claro que a pessoa esteja acostumada apenas com a perfumaria mais comercial e superficial.

Stop It Love It me parece ir na direção dos florais orientais dos últimos 2-3 anos e busca puxar essa ideia para uma abordagem onde o lado gourmand de flores açúcaradas e frutadas encontra uma base mais quente e ambarada, uma que é bem confortável e aconchegante. As vezes o benjoim, ambar e patchouli na base parece produzir um efeito de cêra de abelha/mel, que é o que há de mais intrigante aqui no contexto floral gourmand proposto.

 Apenas numa última fase o perfume de fato vai para algo mais musk e madeiras brancas, mas sem nunca perder uma certa doçura e aura ambarada. É um perfume de excelente performance e complexidade. Certamente poderia ter um conceito melhor, mas satisfaz pelo bom aroma que entrega em coerência com a identidade ambar que seu frasco cria.