18 de mai. de 2020

Mendittorosa Lacura - Avaliação Perfume


Desde os primeiros lançamentos a marca de nicho Mendittorosa se destacou com uma perfumaria criativa, simbólica, rica em detalhes e totalmente contextualizada no presente. A marca e sua criadora vêem no perfume mais que um acessório de sedução e afirmação pessoal. Temos na Mendittorosa o perfume como uma jornada mística e espiritual que não está presa no tempo e que tem um poder muito maior do que ressaltar as características de quem o usa.

Em Lacura a marca explora a perfumaria como uma ferramenta de cuidado pessoal e cura. Inspirado em um poema e song de Franco Battiato, Lacura vem com uma proposta de acalmar, tomar conta, inspirar e protejer. Uma fragrância que pelas flores brancas procura cuidar e curar a fragilidade de quem usa, proteger a pureza e a beleza de quem está envolvido pelo seu aroma. Não deixa de ser a perfumaria como uma espécie de talismã pessoal, ainda que a fragrância não esteja dentro dessa linha da marca.

Seja por afinidade com as tendências atuais ou pela vontade de transmitir uma mensagem universal ao consumidor atual Lacura foca em trazer uma versão mais refinada e artística do perfume floral branco e adocicado que tem dominado as fragrâncias femininas nos últimos anos. Para fazer a ligação com o lado mais puro, inocente e infantil a marca recorre ao simbolismo da baunilha e do caramelo e trás o aspecto aconchegante e aveludado dos musks e do cashmeran para completar o conceito.

Por cima desse aspecto aconchegante e adocicado é construído um exuberante e complexo bouquê floral branco de grande beleza e harmonia. A saída a princípio se mostra doce e açúcarada, entretanto quando você presta atenção nela percebe um aroma meio amargo de laranja e um cítrico clássico e refrescante de bergamota. A doçura vai cedendo espaço para um lado mais floral e branco, um que ainda que seja doce não é exageradamente frutado ou carregado e dá espaço para uma interpretação floral mais rica, exuberante porém delicado. E por último o perfume finaliza com suaves toques de resinas quentes em meio ao aconchego da baunilha, caramelo e musks.

Essa é uma jornada de cura que consegue de uma maneira bem inteligente transmitir algo místico e espiritual de uma maneira mais popular e universal. E isso é feito entregando uma fragrância rica em detalhes, com boa performance e muito equilíbrio entre doçura, conforto e pureza/sensualidade floral.