14 de mai. de 2020

Tom Ford Metallique - Avaliação Perfume


Tom Ford é certamente um dos diretores criativos essenciais da perfumaria nos últimos 30 anos e desde seu início na perfumaria ele mostrou ser um vanguardista que sempre olhou para o passado e para o clássico em busca de algo contemporâneo, que se reflete em criações como M7, YSL Nu, Gucci Pour Homme, Gucci Rush. A frente de sua Marca o estilista certamente se tornou mais comercial e prolífico mas nunca deixou de frequentemente arriscar e ousar. A última prova disso é Metallique.

Lançado em 2019, último ano da década anterior, Metallique é um perfume futurista com um ar nostálgico - a própria propaganda me faz pensar em um filme futurista clássico do passado, Metrópolis. Propondo um perfume destemido, viciante e obstinado Metallique utiliza uma armadura metálica floral e aldeídica que protege um interior quem e cremoso de madeiras e bálsamos.

Na prática, é como se o estilista apostasse na direção futura que os aromas florais orientais da última década iriam se comportar nos próximos anos, apostando em algo que fosse nostálgico e aconchegante e ao mesmo tempo ousado e destemido. É um perfume que consegue ser doce e inovador, o que é raro quando se trata de gourmands e baunilhas.

Assim como no passado os aldeídos continuam a comunicar modernidade e funcionam perfeitamente como uma armadura brilhante e metálica ao centro de baunilha e resinas adocicadas. Ao redor dele cítricos ajudam a ressaltar o lado brilhante e intenso da saída ao passado que flores com um lado mais metálico convivem com um aroma floral branco mais amendoado e maduro. De fundo uma base quente e adocicada é envolta em um aroma amadeirado mais seco, um que equilibra e serve de proteção ao lado mais meigo e tenro da fragrância. Esse é mais uma obra-prima de Tom Ford.

Metallique parece acreditar que para a próxima década não bastará apenas termos perfumes aconchegantes e segunda pele, o perfume aposta em criações ousadas e robustas que protejam o lado mais tenro e puro e íntimo de uma fragrância. É uma fragrância que parece borrar as linhas entre perfumaria comercial e de nicho e uma das poucas que se destaca como algo realmente diferente entre a avalanche de composições da última década.