1 de jul. de 2021

Tom Ford Tobacco Vanille - Avaliação do Perfume (EDP e Body Spray)

Copyright Todos os direitos reservados a JRWRITER

Avaliação em vídeo: https://youtu.be/l8QOR71uP1s

Quando se fala da linha Private Blend de Tom Ford aos apaixonados por perfumes a primeira lembrança que provavelmente virá a cabeça dos que leram ou provaram alguma coisa dela é Tobacco Vanille. Desde o lançamento da linha Tobacco Vanille se tornou o mais popular e o mais procurado da grife, com uma combinação de aromas que agrada a maioria dos que procuram algo refinado, doce e um pouco especiado. 

Na saída a fragrância possui um aroma diretamente relacionado a seu nome, sem muitas distrações ou adornos: um aroma quente e invernal de tabaco e baunilha, a reprodução perfumada de um requintado tabacco aromatizado de mel, baunilha e especiarias. Tobacco Vanille envolve a pele com um mel quente e picante na saída misturado ao cheiro das folhas frescas de tabaco. 

Conforme o tempo passa a doçura do mel é trocada pela cremosidade gourmand da baunilha e o tabaco se transforma, deixando seu aspecto herbal e indo para uma direção mais incensada e defumada, ligeiramente ambarada. Tobacco Vanille é agradável e aconchegante, entretanto sua intensidade e simplicidade acabam restringindo-o apenas a dias frios e um uso esporádico, tendendo a se tornar enjoativo e cansativo se usado diariamente ou em temperaturas mais quentes.




Depois de uns anos no mercado a marca lançou uma versão do Tobacco Vanille em Body Spray, feito para ser usado de maneira abundante pelo corpo. O Body Spray possui as mesmas características da versão EDP: saída com tabaco adocicado e especiado, aroma de mel e folha de tabaco e uma evolução de baunilha com um leve toque ambarado. A fragrância parece ser um pouco menos intensa nessa versão, porém sem perder complexidade no aroma. O formato de Spray Corporal torna o perfume Tobacco Vanille mais versátil nesse formato, podendo ser mais facilmente dosado para inúmeras ocasiões e temperaturas.

3 comentários:

Anônimo disse...

Top 5 com louvor!!!! No começo eu estranhei, achei que lembrava cheiro de fraldas infantis usadas!!!!!!!!!!! Hoje amo de paixão. Reservo o meu para festas e ocasiões que eu considere mais especiais. Licor de baunilha com tabaco e cravos-da-índia!!! Deliciosamente viciante. Porém, carece de cautela em seu uso. É forte e pode mesmo enjoar. Quando alguém vai lançar um contratipo decente dele hein????

Henrique/Rick disse...

Acho que fizemos o movimento inverso com relação a ele então rs Num primeiro momento eu amei, hoje o acho muito bom, mas não mais a perfeição que eu o considerava. Eu sinto também esse aspecto de cravo da índia, mas desconfio que seja o mel com o tabaco talvez, ou então cravo usado em dose pequenas e sem ser declarado nas pirâmides olfativas. Também estranho que não tenham surgido muitas cópias dele até agora, considerando que é o mais amado da linha. Ou não tem apelo suficiente para um lançamento mais popular ou talvez não tenha sido explorado ainda por não estar nas tendências do momento (agarwood, sândalo, flores brancas, entre outras).

Anônimo disse...

So consigo sentir o cheiro da baunilha e o forte cheiro de tabaco(Tipo Charuto)