21 de ago. de 2020

Guerlain Aqua Allegoria Nerolia Bianca - Avaliação Perfume


Após o lançamento e sucesso inicial da coleção Aqua Allegoria a Guerlain a transformou em uma espécie de coleção limitada, onde a cada ano 1 ou 2 perfumes são lançados e caso se provem um sucesso de vendas permanecem em linha. Em 2013 a marca criou para a coleção o perfume Nerolia Bianca que para mim é talvez um dos melhores perfumes já feitos dentro da linha. Thierry Wasser ao compô-lo tinha um objetivo ousado para um perfume simples: capturar de forma fidedigna os diferentes aspectos da laranjeira.

A Árvore de Laranjeira é um caso único dentro da perfumaria pois ela em si é quase como uma aula didática de métodos de extração e o que se pode obter em termos de nuances de um aroma. Por pressão mecânica você consegue extrair o óleo essencial da casca das frutas, por destilação por arrasta a vapor você extrai o óleo essencial das folhas conhecido como petigrain, por destilação por solventes você consegue o absoluto de flor de laranjeira e por destilação por arraste a vapor das flores frescas você ainda obtém o Neroli. Cada um desses materiais oferece nuances distintas e em Nerolia Bianca é como se Wasser reconstruísse a árvore e suas nuances por meio de seus produtos.

Sendo assim, esse não é um perfume puramente do aroma floral luminoso e fresco que se obtém a partir do Neroli, e sim uma figura mais completa do cheiro. A saída tem um aroma suculento do suco e da casca e um leve quê amargo junto. Ja na saída, de forma secundária é possível perceber o aroma bem mais verde, intenso e azedinho do petitgrain de laranjeira que funciona como uma espécie de prelúdio para o coração floral da composição. Na fase de corpo, primeiramente percebe-se o aspecto mais clean e cologne do Neroli acompanhado de toques da suculência frutal e herbal da saída. O lado do absoluto se mostra elegante, controlado em sua sensualidade, pondo em destaque nuances secundárias da doçura frutada e e o aroma mais carnal que a flor de laranjeira compartilha com o jasmim. O perfume termina em uma base discreta, algo que sugere um toque amadeirado seco e que me remete a cedro sem exatamente ser cedro, mais como uma representação da madeira em si que sustenta a estrutura da árvore, sua flor, folha e fruto.

A princípio Nerolia Bianca não tinha feito sucesso o suficiente para permanecer em produção mas a marca resolveu dar uma chance e trazê-lo de volta em 2018 na expansão da linha para 10 fragrâncias. Para os fãs da temática vale a pena conhecê-lo agora que está de volta, já que é um perfume sofisticado, rico em nuances e por um preço acessível.