2 de dez. de 2020

Ralph Lauren Polo Red Remix - Avaliação Perfume



Adquira o decant com 5% de desconto (PDDEGUIDO5): https://rb.gy/d9mfvi

Para a linha Polo Red a Ralph Lauren decidiu em 2019 explorar uma nomenclatura de flanker que é pouco usada na perfumaria mas que faz todo sentido quando se pensa no propósito de um flanker. Batisado de Polo Red Remix a marca aproveita o estilo mais descolado da linha Polo Red e de seu modelo e DJ Ansel Elgort para criar uma variação do Polo Red que depende muito da estrutura do original e a remixa para um contesto mais gourmand e torrado.

Todas as notas que existem no tradicional estão aqui também, porém com ênfases diferentes para que as nuances gourmands possam brilhar mais. Os cítricos e cardamomo acabam sendo mais evidentes que o cranberry na saída e na evolução o perfume continua a ter uma espécie de frescor fougere, dessa vez com um toque mais amadeirado devido a noz moscada.

A maior diferença na versão remix é o aroma gourmand torrado que percorre a fragrância do começo ao fim. Red Remix para infundir Polo Red com um café gourmet torrado e moderadamente açúcarado, criando a ilusão de um aroma que as vezes remete a café e em outros momentos lembra um chocolate amendoado. É uma nuance olfativa similar ao perfume Bond No 9 NY for All, porém executado de uma maneira mais comercial, equilibrada. As madeiras ambaradas mostram-se moderadas e junto com o patchouli sustentam o lado mais gourmand e noturno da fragrância.

Se Polo Red Remix fosse uma música certamente seria um remix club ou house para uma música pop tocando na rádio no momento. A ideia aqui não desconstrói ou reinventa a fragrância mas dá mais energia e intensidade para ela de maneira que ela continue a ser versátil, sendo capaz de tocar na rádio durante o dia e ser incorparada a um set de djs durante a noite (ou seja, versátil para uso diurno e noturno).