1 de fev. de 2021

Boticário Scent Lab Privée Delicate Whisper - Avaliação Perfume



A Scent Lab Privée da Boticário parece ter sido pensada em dois níveis distintos de conceito. O primeiro deles é oferecer uma coleção que abranja uma ampla gama de estilos da perfumaria, indo desde de um perfume segunda pele até um potente oriental, amparando a experiência de descoberta olfativa e customização. O segundo objetivo me parece ser referenciar a história do Boticário, homenageando clássicos e perfumes contemporâneos da marca.

Condizente com o nome, Delicate Whisper é o perfume mais suave e delicado da coleção. É uma escolha arriscada do Boticário e uma que pode até trazer críticas visto que lançar um perfume suave e delicado custando 400 reais não é o que o público em geral espera. Porém é uma decisão tomada pensando mais em proporcionar um perfume almiscarado, discreto e segunda pele para quem curte esse tipo de fragrância.

Delicate Whisper é muito coerente com a imagem e nome proposto, trazendo uma ideia de uma delicada fragrância, leve como uma pluma olfativa. Seu aroma possui uma mínima saída cítrica e dá ampla ênfase às notas de corpo, trazendo uma lavanda fresca e elegante apoiada em um leve aspecto atalcado que remete distantemente a iris. De fundo há predominantemente um aroma almiscarado, macio e que é amplificado por um toque amendoado de fava tonka e um uso discreto de ambar para dar um leve toque exótico a ideia.

Se lançado na década de 90 tal composição seria um sucesso imediato, trazendo o toque segunda pele e intimista que muitos perfumes dessa época trouxeram. De maneira distante seu aroma me faz pensar em um dos clássicos da marca, o descontinuado Floratta in Silver, como se fosse uma versão com mais lavanda e mais musk. Hoje acredito que pelo preço e expectativa do Público esse não será um dos que mais venderá da coleção.