1 de mar. de 2021

In The Box Jaddy - Avaliação Perfume Contratipo (Dior J'Adore)


Adquira o perfume: https://rb.gy/wel4ck
Adquira o decant com 5% desconto (cupom PDDEGUIDO): https://rb.gy/u7dkts


Em alguns casos é difícil avaliar a similaridade de um contratipo para um perfume que foi lançado há mais de 5 anos no mercado. Isso acontece pois as marcas tem constantemente reformulado suas fragrâncias para se adequar a vários fatores: mudanças nos gostos, rentabilidade financeira, novas restrições a materiais naturais e sintéticos. Por isso, acabam existindo ao longo do tempo diversas variações da mesma fragrância.

Jaddy é inspirado no clássico moderno J'Adore, um perfume muito apreciado pelas mulheres por seu aroma floral delicado, persistente. Originalmente J'Adore tinha um aroma mais aquático e verde em sua saída, algo que foi suavizado ao longo dos anos nas reformulações. Jaddy ao meu olfato parece ir mais na direção das reformulações e por isso soa bem diferente dos frascos mais antigos do J'Adore.

Na saída a fragrância parece modernizar o lado frutado do J'adore, focando mais na maciez do pêssego do que no aroma aquoso e verde do melão. A pêra é até perceptível, porém mais combinada a um aroma floral bem fresco e agradável. Na evolução o perfume mantém esse aspecto floral e destaca  lírio do vale e um leve toque atalcado. As notas de jasmim e rosa acabam não sendo tão evidentes.

Assim como a fragrância original Jaddy não possui muita evolução na pele passado as 3 primeiras horas. Isso acontece principalmente devido a ênfase a uma base predominante em musks, que sustenta a delicadeza e frescor floral frutal dos primeiros momentos na pele. É uma fragrância adequada para uso quotidiano e bem versátil mas não é um contratipo que tem boas chances de não satisfazer em termos de similaridade dependendo da versão ou formulação do j'adore que a pessoa que comprar conhecer.