5 de mar. de 2021

In The Box Pinkish - Avaliação Perfume Contratipo (Herrera 212 Vip Rosé)


Adquira o perfume: https://rb.gy/vlhm2b
Adquira o decant com 5% desconto (cupom PDDEGUIDO): https://rb.gy/egbxpg

Quando senti Pinkish na pele pensei que o fato de sua fragrância ser tão delicada e suave poderia ser um problema no contratipo em si. Porém quando comparei com o original percebi que são ambos fragrâncias delicadas com um estilo de floral frutado que é perfeito para quem não gosta de perfume invasivo. Pesquisando a respeito do conceito do original vi que a fragrância foi feita para ser fresca, sensual e feminina, o que é bem representado aqui.

Uma das principais diferenças entre Pinkish e 212 Vip Rosé reside na forma como ambos retratam o acorde de frutas e champagne borbulhante na saída. Pinkish tende em uma direção que favorece um acorde de framboesa e um leve toque de pêra e tem suas limitações para conseguir criar a textura borbulhante de champagne. A fragrância original parece ter também um leve toque de pimenta rosa que fica ausente no similar.

Na evolução ambos criam um aroma floral delicado, fresco e feminino. Aqui é oferecido a fantasia da flor de pêssego ao criar um aroma floral aveludado e com um leve toque frutado de pêssego e amêndoas. Uma presença discreta de rosa também confere sofisticação e está presente tanto no original como na versão da In The Box. 

A fragrância termina em musks macios e um leve toque ambarado e amadeirado, criando um aroma limpo, aconchegante e delicado. Para esse tipo de perfume a concentração que a In The Box utiliza acaba não favorecendo uma melhor performance - fragrâncias delicadas e com muito musk continuam a ser suaves mesmo que vc aumente consideravelmente a concentração. É importante levar isso em conta pois Pinkish faz tudo que pode para chegar o mais próximo possível do original e oferece um perfume fresco, floral e delicado para quem não faz questão de intensidade ou projeção.