13 de mai. de 2021

O.u.i/Oui Jardin de Grasse - Avaliação do Perfume



Avaliação vídeo no canal Perrella & Perfume: https://www.youtube.com/watch?v=vT5ynowNYXU&t=1s

Uma das coisas que aprendi na vida é que as vezes ir direto ao ponto ou fazer o básico bem feito é a melhor estratégia possível. A Oui Paris tinha uma grande ambição de ser alta perfumaria e de trazer a herança da perfumaria francesa para o público brasileiro. Porém imagino que um tempo curto de desenvolvimento e muitos projetos simultâneos tenham levado a um descolamento muitas vezes do marketing da casa e da essência dos aromas em si. Porém em Jardin de Grasse ela acerta em cheio ao ir direto ao ponto com a criação de uma estrutura Cologne que tenta fixar como uma eau de parfum.

A família olfativa Cologne é uma das mais antigas da perfumaria, envolvendo basicamente cítricos, ervas aromáticas e algumas flores. Jardin de Grasse respeita essa semântica para homenagear uma ideia clássica que está ligada tanto a perfumaria italiana como francesa. Assim é proposto um aroma cítrico, floral e primaveril onde a flor de laranjeira em suas diferentes extrações nos dão a impressão realista das folhas, flores e frutos de um pomar de frutos cítricos em um agradável dia de verão e inverno.

Não há muito o que inovar nesse tipo de fragrância e por isso Jardin de Grasse pode remeter a diversas fragrâncias que contenham flores cítricas e cítricos. Mas o perfume está bem equilibrado entre as facetas que deseja passar: a extração de Neroli é a responsável por capturar o lado mais delicado, fresco e cítrico da flor de laranjeira, sendo combinado à elegância da bergamota. A flor de laranjeira no coração da fragrância traz um lado mais sensal, um aspecto floral branco com um leve quê de mel e algo que quase vai na direção de um jasmim. O petigrain complementa com o lado meio amarguinho e cítrico das folhas da laranjeira e a pimenta rosa serve para trazer um toque frutado e especiado seco, algo que ajuda a trazer modernidade.

Na base o perfume se mantém nos elementos que não roubam a cena de um aroma cítrico. Dessa maneira temos musk trazendo a sensação de limpeza e maciez e ajudando a sustentar o nosso pomar de cítricos. O ambar é utilizado para trazer um aspecto moderno mas é calibrado para não roubar a cena, conferindo apenas um toque mais seco que é complementado pelo amadeirado sóbrio do sândalo. Jardin de Grasse tem uma fixação média na pele e é um perfume para quem curte frescor realista com aspectos florais. O único pecado da marca aqui foi não ter incluído um spray junto com a fragrância. A Oui também poderia ter ressaltado o neroli como parte da alma das essências de Grasse. Porém esses são detalhes que não prejudicam a coerência e qualidade desse produto.